Número de portugueses vítimas de extorsão nas redes sociais está a aumentar

Número de portugueses vítimas de extorsão nas redes sociais está a aumentar
Um comunicado hoje divulgado pela Polícia Judiciária lança um alerta e revela que o número de queixas de vítimas de extorsão por falsas amigas nas redes sociais está a aumentar.

De acordo com a informação divulgada pela PJ, as vítimas são interpeladas em redes sociais como o Facebook com pedidos de amizade de supostas “jovens atraentes”. Depois de aceite o pedido de amizade e estabelecido contacto, a nova amiga alicia as vítimas a prolongar o contacto em serviços de conversação com vídeo, como Skype, e aí recolher imagens comprometedoras.

Na posse dessa informação e já com acesso ao círculo de amigos da vítima nas redes sociais, a “amiga virtual” faz chantagem e pede elevadas quantias em dinheiro, sob a ameaça de divulgar as imagens e revelar que foram exibidas a uma criança, com intuito de a assediar.

Refere a PJ, que mesmo nas situações em que as vítimas cedem à chantagem e pagam os valores solicitados, as imagens são reveladas e a chantagem continua.

Existirá já um número “muito elevado” de queixas com estas características, apontando para uma “massiva forma de extorsão”. As queixas desencadearam uma investigação a partir da qual foi já possível perceber que o esquema é coordenado por pessoas que estão noutros países.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

SapoTek

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.